World Fabi Books











halloween_book

Olááá, vivos e desencarnados!

Como estão nossos queridos leitores e nossas adoradas leitoras nesse dia de festividades macabras?

O WorldFabiBooks preparou para vocês um Especial de Halloween com alguns livrinhos interessantes para lerem ou relerem nesse período sombrio!

Esperamos que gostem…

Uma boa pedida é sempre começar com escritores, cuja reputação é pautada em obras de terror e suspense, ou seja, com enredos sempre regados com loucura, sangue, criaturas sombrias e finais delirantes!

Portanto, seria interessante ler livros da fantástica…

Anne Rice

Anne_Rice1

E para orientá-los melhor, aqui estão algumas obras da escritora norte-americana:

  • Série Crônicas Vampirescas: Entrevista com o Vampiro; O Vampiro Lestat; A Rainha dos Condenados; A História do Ladrão de Corpos, Memnoch; O Vampiro Armand; Merrick; Sangue e Ouro; Fazenda Blackwood e Cântico de Sangue.
  • Série Novos Contos de Vampiros: Pandora e Vittorio, o Vampiro.
  • Série Bruxas Mayfair: A Hora das Bruxas I; A Hora das Bruxas II; Lasher e Taltos.
  • Série Songs of the Seraphim: Tempo dos Anjos e De Amor e Maldade.
  • Romances únicos: A Festa de Todos os Santos; Chore para o Céu; A Múmia ou Ramsés, o Maldito; O Servo dos Ossos e Violin
  • Conto: ela possui vários, mas, um que fez sucessinho por aqui foi o O Senhor de Rampling Gate, publicado no Brasil no livro “Os 13 Melhores Contos de Vampiros”, de Flávio Moreira da Costa.

E muitooooos outros títulos!! O que não faltam (ainda bem) são livros da Anne Rice por aí, prontinhos e totalmente disponíveis!!

O próximo da lista é um escritor mundialmente conhecido, que possui inúmeras obras de terror e suspense pelo mundo, sem mencionar filmes e seriados baseados em seus textos. Esse escritor já tirou o sono de muita gente e, portanto, nós altamente recomendamos que leiam qualquer livro dele, o macabro…

Stephen King

stephen-king1

E aqui vão algumas dicas de livros desse escritor norte-americano que vocês podem ler:

  • Ficção: Carrie, a Estranha;Salem; O Iluminado; A Dança da Morte; A Zona Morta; A Incendiária; Cão Raivoso; Christine; Cemitério Maldito;A Hora do Lobisomem; A Maldição; O Talismã (escrito com Peter Straub); A Coisa; Os Olhos do Dragão; Angústia; Os Estranhos; A Metade Negra; Trocas Macabras; Jogo Perigoso (ou o Jogo de Gerald); Eclipse Total; Insônia; Rose Madder; À Espera de um Milagre; Desespero; Saco de Ossos; A Tempestade do Século; O Apanhador de Sonhos; A Casa Negra (escrito com Peter Straub); Buick 8; O Rapaz do Colorado; Celular; LOVE: A História de Lisey; A Névoa; Duma Key; Sob a Redoma; Blockade Billy; 11/22/63; Joyland e Doctor Sleep.
  • Não ficção: Dança Macabra; Janela Secreta;Nightmares in the Sky: Gargoyles and Grotesques
  • Contos: Sombras da Noite; Quatro Estações; Tripulação de Esqueletos; Depois da Meia-noite; Pesadelos e Paisagens Noturnas I; Pesadelos e Paisagens Noturnas II; Six Stories; Corações na Atlântida; Tudo é Eventual e Ao Cair da Noite.
  • Serie A Torre Negra: O Pistoleiro; A Escolha dos Três; As Terras Devastadas; Mago e Vidro; Lobos de Calla; Canção de Susannah; A Torre Negra e O Vento pela Fechadura.
  • Sob o pseudônimo de Richard Bachman: A Auto-Estrada; O Concorrente; A Maldição do Cigano; Os Livros de Bachman; Justiceiros e Blaze.

E mais um monte de títulos pelo mundo, pois, o Stephen King é como uma máquina de escrever que está sempre ligada: tem sempre um texto novo saindo!

A seguir, vamos falar do incrível escritor responsável pelo aclamado Sandman e, mais recentemente, por O Oceano no Fim do Caminho, o formidável…

Neil Gaiman

neil-gaiman1

Algumas das obras que podemos indicar desse escritor norte-americano, são:

  • Romances e Contos: Good Omens; Lugar Nenhum; Fumaça e Espelhos; The Day I Swapped My Dad for Two Goldfish; Stardust; Deuses Americanos; Coraline; The Wolves in the Walls; Melinda; Os Filhos de Anansi; Coisas Frágeis I; Coisas Frágeis II; M is for Magic; InterWorld; Odd e os Gigantes de Gelo; The Dangerous Alphabet; Livro do Cemitério; Blueberry Girl; Crazy Hair; Instructions; Fortunately, the Milk; O Oceano no Fim do Caminho e The Silver Dream.
  • HQ’s: Sandman: Prelúdios e noturnos; Sandman: A casa de bonecas; Sandman: Terra dos sonhos; Sandman: Estação das brumas; Sandman: Espelhos distantes; Sandman: Um jogo de Você; Sandman: Convergência; Sandman: Vidas breves; Sandman: Fim dos mundos; Sandman: Entes queridos; Sandman: Despertar; Sandman: Exílio; Sandman: A tempestade (75); Sandman: Sonho de uma Noite de Verâo; Violent Cases; Orquídea Negra; Mr. Punch; Livros da Magia; Sandman: Os Caçadores de Sonhos; Morte: A Festa Em uma homenagem a Gaiman; Morte: O Preço da Vida A cada século; Morte: O Grande Momento da Vida; Capas na areia; Noites Sem Fim; A Lenda da Chama Verde e Mister Lo.

E além destes títulos, podemos encontrar muitos outros trabalhos de Neil Gaiman pelo mundo, desde livros e HQ’s, até seriados e filmes!

Agora, vamos dar dicas de obras de um escritor conterrâneo. Ele é um ótimo autor que já conquistou milhares de leitores pelo Brasil e, agora, também começou a ter uma legião de fãs fora de nossas fronteiras! Com vocês, o sanguinário…

 

André Vianco

andré-vianco1

As obras que vamos indicar deste escritor brasileiro, são:

  • Romances: O Senhor da Chuva; Os Sete; Sétimo; Sementes no Gelo; A Casa; Vampiro Rei I: Bento; Vampiro Rei II:A bruxa Tereza; Vampiro Rei III: Cantarzo; O Turno da Noite I: Os Filhos de Setimo; O Turno da Noite II: Revelações; O Turno da Noite III: O Livro de Jó; O Caminho do Poço das Lágrimas; O Caso Laura e A Noite Maldita – Crônicas do Fim do Mundo.
  • Graphic Novels:Vampiros do Rio Douro I; Vampiros do Rio Douro II e Turno da Noite: Escuridão Eterna.

Felizmente para nós, o André Vianco não pretende parar de escrever e, por isso, continuaremos a ver e ler suas obras por um bom tempo!

Há outro escritor, ou melhor, há outros dois escritores de nossas terras que está esperando para aparecer nesta lista! Eles já conquistaram milhares de fãs dentro e fora do Brasil e possuem uma forma bem singular e única de escrever. Lhes apresento o casal fantástico…

 

Raphael Draccon & Carolina Munhóz

raphael-draccon-e-carolina-munhoz

Os livros desses dois que nós vamos indicar (se preparem), são:

  • Draccon: Dragões de Éter: Caçadores de Bruxas; Dragões de Éter: Corações de Neve; Dragões de Éter: Círculos de Chuva; Fios de Prata: Recosntruindo Sandman e Espíritos de Gelo.
  • Munhóz: A Fada; O Inverno das Fadas e Feérica.

Apesar de nem todas as obras terem sua parte “sombria”, acreditamos que os livros de Raphael Draccon e Carolina Munhóz valha muito a pena ler, principalmente no halloween, quando a magia corre solta ao lado do terror!

E mais um escritor para encerrar nossa seção de autores deste post! Ele possui livros impressionantes, sendo que cada obra varia o tema, nunca o repetindo até o momento. Agora, vos falo sobre o inteligente…

 

Nelson Magrini

nelson-magrini

As obras que vocês precisam ler desse escritor, são:

  • Obras: Anjo – A Face do Mal; Anjo – A Face do Mal II: Ceifadores; Relâmpagos de Sangue; Os Guardiões do Tempo
  • Contos: Em Nome da Fé, na antologia Anjos Rebeldes; Isabella, na antologia Amor Vampiro.

E esse escritor não para de atuar e escrever, portanto, para nossa felicidade, não deixaremos de ver, por um bom tempo, Nelson Magrini em eventos e nas prateleiras!

.

.

.

 

Agora, para finalizar este post aterrorizante, deixamos para vocês uma grande, porém de coração, lista de livros para ler no Dia das Bruxas ou quando desejarem!! (nem todos os livros são assustadores, muitos são para aqueles “fracos de coração”, mas que amam magia e uma ótima leitura!!)

 

Lista de livros para o Halloween

halloween_livros



Descanse em paz, meu amor…

 

Autor: Pedro Bandeira

 

.

.

.

 

 

“Há muita coisa que a gente não consegue explicar. Algumas, como as deste livro, nos deixam gelados de pavor. Mas o principal assunto desta história é a amizade, aquilo que a gente não precisa explicar.”– Pedro Bandeira

 

 

 

 

O livro de Pedro Bandeira traz a história de seis amigos, que acabam presos em um velho casarão durante uma assustadora tempestade. O grupo havia planejado uma aventura nas montanhas, mas, a surpresa da tempestade e um acidente horrível, os deixam ilhados nesse casarão que haviam alugado.

Sem luz e sem comunicação alguma com a civilização, os jovens aguardaram pacientemente por uma semana! A intensidade da tempestade aumentava e diminuía, mas a destruição deixada por ela ainda não lhes permitia deixar aquela casa, um lugar que espantosamente possuía um cemitério particular nos fundos.

Certa noite, se reúnem em um único cômodo do lugar, em uma espera em clima funesto, ouvindo o som macabro do vento e a dança sinistra da luz das velas. Apenas a presença alegre de Alexandre – um rapaz bonito, animado e disposto – parece surtir algum efeito no grupo.

O sorridente garoto simplesmente não parava de falar, estranhamente empolgado e entusiasmado com a ocasião, parecia não sentir a mesma tensão que as circunstâncias geravam nos demais. Afinal, por que tanto medo?

Pediram-lhe que os deixassem em paz, mas ele continuava a não entender a revolta e, ao invés de parar, tentou animar o momento. Alguns resmungos, principalmente vindo de Geraldo, um dos amigos, acusavam que aquilo era loucura, era sobrenatural. Mas, o único a encontrar graça nos comentários era Alexandre.

A espera se torna ainda mais longa e tortuosa, os seis amigos resolvem contar histórias de terror para passar o tempo. Contudo, essas arrepiantes histórias não servem apenas como distração. Na realidade, elas possuem um motivo muito mais sombrio para estarem sendo colocadas na roda.

Todos queriam que o amigo acreditasse em fantasmas. Precisavam convencer Alexandre de que o sobrenatural existe. Decidiram que cada um contaria uma história que soubessem.

Geraldo foi o primeiro. O garoto contou a história sobre uma noite de chuva e trovões. Sobre o vulto de uma menina que, de repente, aparecia na estrada pedindo socorro para sua mãe. Sobre um doutor que foi ajudar. Sobre um acidente de carro que não parecia ser o que realmente era.

Ludmila foi a próxima e passou a contar sua história. Um conto de um casal. Um casal que convidou dois amigos. Um casal que fez a brincadeira do copo. Um casal que acaba recebendo o pedido de socorro de uma menina.

Débora também entrou na sequência e, então, contou sobre um homem que foi preso. Preso por assalto a mão armada e acabara de sair da cadeia. Saiu e passou a cometer novamente alguns crimes. Matou uma mulher de forma assustadora. Cortou-lhe o dedo para tirar-lhe o anel valioso. Ganhou dinheiro. Enriqueceu. Conheceu uma mulher encantadora que o matou de susto.

Foi a vez de Silvio contar sobre um chefe de expedição que procurava uma tumba. Que buscava incessantemente. Que ficou trancado tentando desvendar o segredo. Que desvendou o segredo. Que ficou preso à eternidade julgando ter encontrado o amor de sua vida: uma múmia (Amah-thep). Que acabou por ter o cadáver nu encontrado abraçado a ela.

Com o decorrer das histórias, algo parece ir acontecendo aos poucos. O clima é de tensão e tristeza. Márcia, a namorada do garoto, parece assustada e desolada. Sempre com os olhos cheios de lágrimas… Sempre tentando evitar o seu grande amor… Mas, por quê?

O que de fato aconteceu naquele acidente?

Se estão curiosos, eu ALTAMENTE recomendo essa incrível obra do genial Pedro Bandeira!

 

 

Descanse em paz, meu amor…

 

 

 



O Grande Desafio

Autor: Pedro Bandeira

.

.

.

Que tal a dica de hoje ser sobre um dos livros do incrível escritor brasileiro, Pedro Bandeira?

Eu, particularmente, sou apaixonada pela série de livros “Os Karas”, contudo, dessa vez irei falar sobre outros personagens, outras tramas, mas de “enredos parecidos”. O texto dessa vez é dedicado ao livro O Grande Desafio!

Vamos lá…

Como todo livro de Bandeira, o enredo possui a sua “marca registrada”: uma escrita frenética, com fatos sempre coerentes (nada mirabolante DEMAIS), uma narração que não perde ritmo e um desfecho bem elaborado (assim como todo conteúdo e estruturação da história… Não há brecha para uma crítica por falta de preparo e zelo na escrita do livro!). É perceptível a preocupação do autor com os elementos e a coerência na história.

O personagem principal, Tony, é um garoto bonito, inteligente, gênio da computação e excelente nadador que leva uma vida quase normal… E com esse “quase normal” eu não me refiro a nada sobrenatural e/ou cômico, o garoto Tony é cego.

Com muita coragem e desenvoltura, ele enfrenta os obstáculos, sem nunca desistir, mostrando que uma simples deficiência não é limite para praticamente nada (um verdadeiro banho de moral para os preguiçosos e pessimistas de plantão…)!

Essa determinação de Tony, muito incentivada pela mãe, se torna fundamental para a aventura em que ele se mete. Sem garra e cérebro, ele não seria capaz de ajudar sua colega de escola, Carla (sua grande paixão de adolescente), a livrar o pai de uma trama diabólica (que me lembra “um pouco” uma trama mafiosa!)!

Tudo começa no famosíssimo Colégio Prof. Cidinha Moura, onde o pai da garota em questão, Antônio, era contador. A família deles é feliz e bem estruturada, contudo, Marta, a mãe de Carla, tem uma doença séria e por causa disso, o homem da família, em completo desespero, pede ajuda a quem não deve, pois não consegue arcar com todos as despesas médicas da esposa.

Antônio é acusado de ser o responsável por um desfalque financeiro da escola e, por conta disso vai preso injustamente, uma vez que o pobre coitado assumiu a culpa.

Mas, por quê “pobre coitado”? Por quê “preso injustamente”? Ele não poderia ser o culpado?

Até poderia, no entanto… Como um homem direito como ele poderia sabotar a escola onde trabalha como contador?

Simples… Antônio apenas assumiu a culpa, porque foi chantageado por Dom Peperone (eu ainda dou risada quando leio o nome clássico do vilão), o qual ameaçou tirar sua filha da escola e não fornecer os remédios que sua mulher precisa, caso não cooperasse com a situação.

E para ajudar, acontece um acidente na escola! Aliás… Um grave acidente, pois alguém “cai” da escada. E tudo isso vai girando ao redor da cabeça e da liberdade de Antônio, já que a pergunta mais freqüente é: “Será que o acidente tem relação com o desfalque?”

Tony, como bom garoto apaixonado que é, acompanha todo o drama e então, começa a bancar o detetive ao lado de Carla (uma ótima oportunidade de se aproximar e conquistar a garota!). Afinal, era preciso provar a inocência de Antônio e o mais rápido possível, pois o “cenário” vai mudando na escola depois daquele acidente e do desfalque! Algo estranho e grande está acontecendo.

Com astúcia, Tony e Carla enfrentam o crime organizado, a cobiça desenfreada, o medo e, principalmente, o preconceito. A aventura envolve a todos os leitores e o enredo é simplesmente criativo e delicioso de se ler! Não há como não se envolver na história e ver como podemos tudo, bastando para isso ter vontade e coragem.

Sabe… É difícil contar mais sobre a história sem soltar algum spoiler, pois a obra é todinha cheia de surpresas! Bandeira conseguiu criar uma história eletrizante e original (como sempre!).

Toda a trama é massa (olha o meu “trocadilho”, já que tem máfia aí no meio, hehehe…)! Desde as primeiras cenas de ação até a parte do Porão (opa! Que porão? Hm… Acho que alguém vai precisar ler o livro!)!

O autor soube dar vida aos personagens, principalmente a Tony. Deficiente visual ou não, o autor passou a mensagem que mesmo você sendo “especial”, você pode tudo o que desejar!

O final é avassalador e bom!

Calma, não darei tanto spoilers assim, porém, saibam que apesar de Bandeira já deixar evidente quem é o “vilão”, bem antes do fim da obra, o surpreendente é descobrir mais os “comos e porquês” do que os “quens”! Apenas posso dizer que tudo foi um plano bem arquitetado…

Enfim…

Apesar de ser classificado como infanto-juvenil, eu recomendo esse livro para todos! Realmente… Ótima leitura, sem digressões e prolixidade. Pedro Bandeira é, na minha humilde opinião, um dos melhores escritores da literatura brasileira juvenil.

Uma dica literária muito boa, que passa inúmeras mensagens de força de vontade através de suas páginas, que fala sobre paixões, e acima de tudo, que uma pessoa pode não ser aquilo que ela aparenta exteriormente.

Filho, você pode fazer tudo o que quiser.

 

 

 

 



et cetera
Amor literário

Resenhas de Livros

Devaneios da Lua

Sobre tudo e ao mesmo tempo nada

Crônicas da Gaveta

Relatos amadores por @Cardisplicente

Sara M. Adelino

Tradutora. Revisora. Redatora.

WILDsound Festival

Weekly Film Festival in Toronto & Los Angeles. Weekly screenplay & story readings performed by professional actors.

Destino Feliz

Seu Blog de Viagens, Roteiros e Experiências

dmaimalopes

A great WordPress.com site

delenaalways

A fine WordPress.com site

evilking.wordpress.com/

Comic Book and related work by Danilo Beyruth

ibooksney

EM ANDAMENTO

My Broken Throat

Até que o medo se desfaça... Um engano do destino

nicoleravinos

"Um dia sem sorrir é um dia desperdiçado"

Action Nerds

Bonecos, tirinhas e nerdices. Aqui você encontra tudo isso!

%d blogueiros gostam disto: